Exclusivo

Bate papo com Lú ( Banca do milho ) em Vicente Pires DF

Se você está em busca de um lugar único...

Projeto Mãos Dadas cresce e reforça a recuperação de espaços públicos

O sucesso do programa GDF Presente – de manutenção e melhoria da infraestrutura das regiões administrativas do Distrito Federal – não seria possível sem uma contribuição importante: a do projeto Mãos Dadas. A iniciativa, da Secretaria de Administração Penitenciária (Seape), direciona reeducandos do sistema prisional para realizar as pequenas obras do dia a dia das cidades.

Equipes do projeto gerido pela Seape em ação: esforços conjuntos representam melhorias para todas as partes envolvidas | Foto: Lúcio Bernardo Jr./Agência Brasília

Até 2021, eram 60 internos trabalhando no projeto. Com o reforço dos quadros do GDF Presente ao longo de 2022, esse número dobrou para 120. Além do benefício prestado à sociedade, o reeducando garante a remição de sua pena: a cada três dias trabalhados, tem um dia a menos de pena para cumprir.

Defensoria Pública, Corpo de Bombeiros e Polícia Militar estão entre os órgãos com os quais o projeto Mãos Dadas tem parceria

De segunda a sexta-feira, cerca de 100 homens deixam cedo o Centro de Progressão Penitenciária (CPP), no Setor de Indústria e Abastecimento (SIA), para atuar em trabalhos como reparos em meios-fios e calçadas, recolhimento de entulhos, limpeza de áreas de lazer, recuperação de redes de drenagem e outros. A equipe retorna ao CPP no período noturno, escoltada por policiais penais.

“No próximo quadriênio, uma das prioridades da Seape é ampliar o Mãos Dadas”, adianta o secretário de Administração Penitenciária, Wenderson Teles. “Ele é um sucesso nas duas vertentes, tanto para a comunidade brasiliense quanto para os internos, pois dá uma grande oportunidade a eles. Além do GDF Presente, auxiliamos diversos órgãos, como a PM, o Corpo de Bombeiros, a Defensoria Pública. Garimpamos talentos entre os reeducandos do regime semiaberto.”

Dividido em dez polos que atendem diariamente as regiões administrativas (RAs)  de acordo com a localização, o GDF Presente é mais robusto com esta mão de obra complementar. “Sem dúvida, é o nosso braço direito para atender a quantidade enorme de demandas solicitadas pelas administrações”, observa o subsecretário de Desenvolvimento e Operações nas Cidades, Flavio de Oliveira. 

O gestor exemplifica essa ajuda: “Neste mês [dezembro], a Administração de Guará estava recuperando seis quadras poliesportivas e nos solicitou quatro serralheiros e pintores para a parte do alambrado. Todos vieram do Mãos Dadas, e a tarefa foi concluída com sucesso”.

Arte: Agência Brasília

 

The post Projeto Mãos Dadas cresce e reforça a recuperação de espaços públicos appeared first on Agência Brasília.

Últimas Notícias

Bilionários planejam nova viagem de submersível aos destroços do Titanic

Quase um ano após a operação fracassada do submersível...

Giselle Farinhas Advogados Lidera Campanha de Auxílio ao Rio Grande do Sul

  Em uma demonstração exemplar de responsabilidade social e...

Instituto Brasil-Israel (IBI) emite posicionamento sobre o ataque a Rafah

  O Instituto Brasil-Israel (IBI) divulga uma nota em...

Polícia de Massachusetts prende suspeito de esfaquear 6 pessoas nos EUA

No sábado (25), um suspeito foi preso depois que...

Newsletter

spot_img

Não perca

Bilionários planejam nova viagem de submersível aos destroços do Titanic

Quase um ano após a operação fracassada do submersível...

Giselle Farinhas Advogados Lidera Campanha de Auxílio ao Rio Grande do Sul

  Em uma demonstração exemplar de responsabilidade social e...

Instituto Brasil-Israel (IBI) emite posicionamento sobre o ataque a Rafah

  O Instituto Brasil-Israel (IBI) divulga uma nota em...

Polícia de Massachusetts prende suspeito de esfaquear 6 pessoas nos EUA

No sábado (25), um suspeito foi preso depois que...

Chefe da ONU diz que “horror” em Gaza deve parar após ataques de Israel em Rafah

O secretário-geral da ONU, Antonio Guterres, condenou nesta terça-feira...
spot_imgspot_img

Bilionários planejam nova viagem de submersível aos destroços do Titanic

Quase um ano após a operação fracassada do submersível Titan, da OceanGate, uma dupla de bilionários quer usar um submersível para visitar os destroços...

Giselle Farinhas Advogados Lidera Campanha de Auxílio ao Rio Grande do Sul

  Em uma demonstração exemplar de responsabilidade social e solidariedade, o escritório Giselle Farinhas Advogados se destaca na liderança de uma campanha crucial de...

Instituto Brasil-Israel (IBI) emite posicionamento sobre o ataque a Rafah

  O Instituto Brasil-Israel (IBI) divulga uma nota em que repercute o ataque a Rafah, que culminou na morte de dezenas de civis. Abaixo,...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui